sábado, 20/04/2019

Fundo Social inicia implantação da Praça da Cidadania

Projeto vai levar capacitação profissional e empreendedorismo, através da economia e cuidados ambientais

O Novo Fundo Social de São Paulo, o FUSSP, já iniciou a implantação de duas unidades da Praça da Cidadania, uma no bairro do Capão Redondo, na Zona Sul da capital paulista, e outra no Jardim Santo André, em Santo André, no ABC.

Imagem ilustrativa

O projeto contempla a construção de espaços coletivos ecológicos destinados à população em situação de vulnerabilidade social com objetivo de promover convívio, capacitação profissional pelas novas escolas do FUSSP e geração de renda através de um programa de empreendedorismo regional.

Nestes locais haverá espaços para cursos e oficinas, apoio jurídico, quadra poliesportiva, horta social, comércio, coworking, Wi-Fi, estação de gestão de resíduos e parque infantil, além de uma agência do Banco do Povo para análise e aprovação de microcrédito.

Desde o início de abril, nos dois terrenos escolhidos para receber as unidades, já estão ocorrendo atividades que integram o projeto de construção.

Em Santo André, por exemplo, já foram realizadas aulas de agrofloresta com a criação do jardim frutífero da unidade. Cursos de manicure e corte e costura também já foram ministrados no local.

Curso de Agrofloresta

Turma do Curso de Manicure e Pedicure

No bairro do Capão Redondo, uma oficina sobre horta social será implementada e ministrada no local ainda neste mês.

A manutenção e administração das unidades serão feitas por um Conselho Gestor constituído pela comunidade, FUSSP, CDHU, prefeituras e demais órgãos envolvidos no projeto.

A Praça da Cidadania tem custo aproximado de R$ 3 milhões e será construída em parceria com a iniciativa privada.

Saiba mais:

Bioconstrução

A Bioconstrução engloba diversas técnicas de arquitetura e a preocupação ecológica está presente desde a concepção até a ocupação. Parte da própria construção das praças será através dos cursos da Escola de Bioconstrução.

Biodigestor
O biodigestor que será implantado na Praça da Cidadania é uma solução sustentável que transforma resíduos orgânicos em biogás e biofertilizante. O tratamento da matéria orgânica através desse equipamento, por exemplo, pode produzir gás de cozinha e/ou energia elétrica. A construção do sistema dura em média 3 dias.

Compartilhe

Últimas Notícias

Fundo Social SP doa salário do Governador para associação que atende crianças em tratamento contra o câncer

Associação Paulista Feminina de Combate ao Câncer recebeu o cheque das mãos da Primeira-Dama e Presidente do Fundo, Bia Doria, e do Diretor Executivo, Augusto Ramos Em visita ao Hospital Infantil Darcy Vargas, nesta terça-feira (10), a Primeira-Dama e Presidente do Fundo Social SP, Bia Doria, e o Diretor Executivo, Augusto Ramos, conheceram o trabalho

Fussp recebe mais de mil cestas para Campanha de Natal 2019

O Fundo Social de São Paulo já recebeu mais de mil cestas básicas na primeira semana de arrecadação para Campanha de Natal 2019. A ação visa arrecadar alimentos não perecíveis e destinar para pessoas em situação de vulnerabilidade atendidas por entidades cadastradas no Fussp. Entre os doadores, além de cidadãos que estão entregando produtos em

Palácio dos Bandeirantes inaugura árvore e programação especial de Natal

Visitação gratuita estará aberta até 06 de janeiro A partir desta sexta-feira, 06/12, estará aberta a visitação à decoração de Natal, no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo do Estado. O projeto contempla uma árvore com 8 metros de altura localizada no hall nobre no prédio, além do presépio, que estará fixo próximo às escadarias.

Sede do Fundo Social de São Paulo, dentro do Parque da Água Branca.

Rua Ministro Godói, 180 | Perdizes | São Paulo | SP | 05015-000

MAIS INFORMAÇÕES Telefones: 2588.5762 | 2588.5896 | Horário de atendimento: das 9h às 16h