quarta-feira, 19/02/2014

Novos Polos Regionais da Escola da Construção Civil chegam à região de Rio Preto

A primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (FUSSESP), Lu Alckmin, esteve na última terça-feira, 18, em Catanduva e São José do Rio Preto, na região de Rio Preto, para inaugurar o 3° e o 4° Polo Regional da Escola de Construção Civil do interior. 

Com cursos rápidos e gratuitos de Assentador de Pisos e Azulejos, Encanador e Pedreiro, o projeto de qualificação profissional é voltado para atender a população de baixa renda, em especial as pessoas desempregadas, maiores de 18 anos.

“Não é necessário apresentar escolaridade mínima ou experiência na área da construção civil. Basta ter muita vontade de aprender”, afirmou Lu Alckmin. 

Até o momento, já foram inauguradas duas unidades, nas cidades de Franca e Ribeirão Preto, sendo que 24 Polos serão instalados em cidades do interior com mais de 50 mil habitantes e outras 28 unidades em entidades sociais da capital, totalizando 56 Polos. 

O convênio com os municípios prevê a doação, por parte do FUSSESP, dos equipamentos necessários para a realização das aulas, um repasse de verba para a compra de materiais de construção para uso nas aulas práticas, e o pagamento dos professores. 

Além de capacitar a população das cidades de Catanduva e Rio Preto, estes centros de qualificação também formarão moradores de cidades vizinhas para que os Fundos Municipais possam futuramente assinar convênio para receber uma Escola de Construção Civil.

Os participantes dos cursos recebem uniforme, material didático e uma bolsa-auxílio de R$420 ao final do curso se estiverem desempregados e não receberem nenhum benefício social. 

Os interessados em obter mais informações sobre os Polos devem entrar em contato diretamente com as unidades do interior. Em Catanduva, pelo telefone (17) 3524-9230 e, em São José do Rio Preto, pelo telefone (17) 3214-9010. O site do FUSSESP é o www.fundosocial.sp.gov.br   

Sobre o FUSSESP

O Fundo Social de Solidariedade é um órgão do Governo, vinculado à Casa Civil, presidido pela primeira-dama do Estado. Seu objetivo é desenvolver projetos sociais para melhorar a qualidade de vida dos segmentos mais carentes da população.

A atual administração exercita a solidariedade educativa, criando programas e ações visando o resgate da dignidade humana, a qualificação profissional, a geração de renda e emprego. Para tanto, são articuladas ações e a ampliação de parcerias com a iniciativa privada, órgãos do governo e com a sociedade civil. São políticas governamentais apoiadas por empresas que tem a consciência da responsabilidade social na contribuição para a redução das desigualdades sociais.

O Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo atua na capital, em 2.500 entidades cadastradas e no interior, por meio dos Fundos Municipais de Solidariedade.

Compartilhe

Últimas Notícias

Fundo Social de São Paulo divulga resultado de Chamamento Público para gestão da Praça da Cidadania de Hortolândia

Edital prevê a contratação de OSC’ para administração das Escolas de Qualificação Profissional do FUSSP   Prédio das Escolas de Qualificação do Fussp na Praça da Cidadania de Hortolândia   O Fundo Social de São Paulo, divulgou nesta quarta-feira, 07 de fevereiro, o resultado final do Chamamento Público para escolha da OSC’ que vai administrar

Governo de SP atende dez cidades com mais de 6 mil itens em ajuda humanitária após chuvas de janeiro

Materiais de primeira necessidade foram enviados para auxiliar as famílias afetadas em municípios do interior, Baixada Santista e Litoral Norte   Defesa Civil faz entrega de doações a municípios atingidos pelas chuvas   O Governo de São Paulo, por meio da Defesa Civil e do Fundo Social, destinou para dez cidades paulistas 6.030 itens de

Fundo Social de São Paulo lança Chamamento Público para gestão das Praças da Cidadania de Mauá e Diadema

Edital prevê a contratação de organização da sociedade civil para administração das Escolas de Qualificação Profissional do FUSSP     O Fundo Social de São Paulo lança um novo chamamento público, desta vez, para selecionar as Organizações da Sociedade Civil que vão administrar as Escolas de Qualificação Profissional da Praça da Cidadania de Mauá e

SEDE DO FUNDO SOCIAL DE SÃO PAULO - PALÁCIO
DOS BANDEIRANTES

Av. Morumbi, 4.500 - Morumbi - São Paulo - SP - 05650-905

MAIS INFORMAÇÕES - Telefone: 11 2193-6979

DEPÓSITO DO FUNDO SOCIAL - JAGUARÉ

Av. Marechal Mario Guedes, 301 - Jaguaré

MAIS INFORMAÇÕES - Telefone: 11 3238-3944 ou 11 3238-3945