quarta-feira, 18/05/2022

Noites Solidárias acolhe 30 pessoas com distribuição de colchões, cobertores e refeições

A primeira noite da ação também distribuiu kits de higiene a 22 homens, 4 mulheres e 4 crianças que se protegeram do frio na Estação Pedro II

O Governo do Estado acolheu na noite de nesta terça-feira (17) 30 pessoas no alojamento estruturado na Estação Pedro II do Metrô na primeira noite da ação Noites Solidárias. Foram 22 homens, quatro mulheres e quatro crianças acolhidos na Estação Pedro II do Metrô. Elas receberam colchões para passar a noite, kits de higiene, cobertores e refeições gratuitas entregues pelo Programa Bom Prato Móvel.

“Nós sempre temos um olhar cuidadoso aos moradores de rua, principalmente na época de frio intenso. Disponibilizamos a nossa infraestrutura e excelência pela Coordenadoria de Desenvolvimento Social. Estamos atuando nas necessidades básicas, que é direito de todos: um bom sono com conforto térmico, alimentação de qualidade e acolhida em um amplo espaço da estação Pedro II Metrô”, disse Laura Machado, Secretária de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo.

O trabalho é intersecretarial e envolve as pastas de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo e Transportes Metropolitanos, com o apoio da Defesa Civil estadual e do Fundo Social de São Paulo. O acolhimento está previsto para ocorrer, inicialmente, até sexta-feira (20), entre 19h e 8h do dia seguinte.

Também foi fornecido jantar às pessoas no local por meio de uma unidade do Bom Prato Móvel. Todas as refeições ofertadas foram consumidas. Pela manhã, os abrigados foram encaminhados à unidade 25 de março do Bom Prato para o café da manhã.

No decorrer desta semana, outros 500 cobertores e 2 mil sacos de dormir doados pelo Fundo Social de São Paulo serão enviados para a prefeitura de São Paulo, para atendimento previsto em dez tendas espalhadas por toda a capital.

Na terça, a Defesa Civil distribuiu 500 colchões, 354 cestas básicas, cerca de mil litros de água sanitária e 200 kits de higiene pessoal em quatro centros de acolhimento da cidade: Missão Belém – Vida Nova; SEFRAS – Associação Franciscana de Solidariedade; Pastoral do Povo da Rua e Missão Belém – Casa Guadalupe.

 

Inverno Solidário

A Campanha Inverno Solidário, que tem o objetivo de arrecadar cobertores novos, é coordenada pelo Fundo Social de São Paulo. A campanha teve início no último dia 10 e será realizada até 21 de setembro. As doações poderão ser entregues para o Fundo Social de São Paulo e na capital paulista em pontos de coleta instalados nas estações de trens e metrô, terminais de ônibus da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) e unidades do Poupatempo.

Nos outros municípios paulistas, a entrega e a distribuição são coordenadas pelos fundos municipais. As doações serão destinadas a pessoas em situação de rua e entidades sociais, hospitais e centros de acolhimento.

Além de arrecadar cobertores novos, a campanha vai promover ações de combate a doenças comuns do inverno nas unidades das Praças da Cidadania, mantidas pelo Fundo Social em locais com alta vulnerabilidade. A Secretaria da Saúde fará ações de prevenção e vacinação contra a gripe.

 

Apoio empresarial

A iniciativa conta com o apoio da Klabin, que doou 8 mil caixas que serão distribuídas pelos estabelecimentos parceiros para doações de cobertores. A empresa é parceira da campanha há mais de 20 anos.

Responsável pelo desenvolvimento e manutenção do site oficial, a Prodesp – empresa de Tecnologia do Governo de São Paulo – também oferece um canal que indica os pontos de coleta mais próximos para doações. Ao informar o CEP, o site oferece a relação de unidades que estão recolhendo cobertores na região.

A Prodesp também é responsável pelo Poupatempo. Todos os postos do programa receberão cobertores para distribuição a entidades assistenciais ligadas ao Fundo Social de São Paulo e dos municípios.

Mais informações: www.invernosolidario.sp.gov.br

Compartilhe

Últimas Notícias

Fundo Social de São Paulo promove oficina de Panificação de Panetones

Serão cinco dias de workshop para que alunos em vulnerabilidade social possam empreender e garantir renda neste final de ano Turma de Panificação Avançada de Panetones que iniciaram neste mês   O Fundo Social de São Paulo promove, por meio das suas Escolas de Qualificação Profissional, uma oficina de panificação de panetones voltada a pessoas

Fundo Social de São Paulo leva para 41 cidades paulistas projeto de confecção de perucas para pacientes em tratamento contra o câncer

Implantação do projeto Solidariedade em Fios terá curso de capacitação online e doação de cabelos para os fundos municipais   O Fundo Social de São Paulo vai implantar em 41 cidades paulistas o projeto Solidariedade em Fios, que ensina a confeccionar perucas para serem doadas a pessoas em tratamento contra o câncer. A cerimônia de

Fundo Social de São Paulo promove oficina sobre análise na prestação de contas públicas

Novo processo implantado no órgão vai otimizar a avaliação das prestações de contas enviadas pelas prefeituras e coletar dados sobre o resultado das parcerias O Fundo Social de São Paulo realizou nesta sexta-feira, 07, uma oficina para mostrar o funcionamento do novo método de análise de prestação de contas públicas com municípios paulistas. Atualmente, o

SEDE DO FUNDO SOCIAL DE SÃO PAULO - PALÁCIO DOS BANDEIRANTES

Av. Morumbi, 4.500 - Morumbi - São Paulo - SP - 05650-905

MAIS INFORMAÇÕES Telefone: 11 2588-5906 | Horário de atendimento: das 9h às 16h