terça-feira, 19/06/2018

Espaço de Convivência do Idoso recebe inscrições para cursos regulares

O Espaço de Convivência do Idoso do Fundo Social de Solidariedade oferece 290 vagas para os cursos de Alongamento, Artesanato, Bordado, Danças Populares Brasileiras, Informática Básica, Informática Intermediária, Intergeracional, Oficina de Celular, Percussão e Violão.

O principal objetivo dos cursos do Espaço de Convivência é estimular a convivência e a inclusão social por meio de práticas significativas. Tudo isso com base no respeito às trajetórias de cada integrante, que participa ativamente dos processos de aprendizagem, resultando em aumento da autoestima, qualificação e integração. Cada grupo conta com a atenção de profissionais especializados em educação, terceira idade e atividades multidisciplinares.

As novas turmas começam em agosto e vão até novembro de 2018, com uma ou duas aulas por semana.  Os interessados devem levar um documento com foto ao Espaço de Convivência do Idoso, que fica no Parque da Água Branca, ao lado da Padaria Artesanal. O horário de funcionamento é das 9h às 16h30, de segunda a sexta.

TERÇA-FEIRA e QUINTA-FEIRA
MANHÃ: DAS 9H ÀS 11H30 | TARDE: DAS 14H ÀS 16H30

Violão (manhã e tarde)

Artesanato (manhã e tarde)

Informática básica (manhã e tarde)

Alongamento (manhã e tarde)

 

QUARTA-FEIRA e QUINTA-FEIRA
MANHÃ: DAS 9H ÀS 11H30 | TARDE: DAS 14H ÀS 16H30

Percussão (manhã e tarde)

Danças populares brasileiras (manhã e tarde)

Bordado básico (manhã)

Bordado intermediário (tarde)

 

SEGUNDA-FEIRA
TARDE: DAS 14H ÀS 16H30

Intergeracional

QUARTA-FEIRA
MANHÃ: DAS 9H ÀS 11H30 | TARDE: DAS 14H ÀS 16H30

Informática Intermediária

SEXTA-FEIRA
MANHÃ: DAS 9H ÀS 11H30 | TARDE: DAS 14H ÀS 16H30

Oficina de celular

Descritivo dos cursos:

ARTESANATO
Aulas: terças e quintas (manhã ou tarde)
Tendo como referência obras de um artista selecionado para o projeto, o curso propõe inicialmente o aprendizado da técnica do patchwork embutido e, em seguida, do patch appliquè. Num segundo momento, os participantes criam  uma maleta que carregará lembranças de suas viagens realizadas, propondo um resgate da memória e valorização da identidade pessoal de cada um. Os momentos resgatados serão registrados no “caderno de viagens” que também será confeccionado com outras lembranças: boneco de pano para recordar pessoas, fotos com bordados para relembrar lugares, entre outras.

ALONGAMENTO
Aulas: terças e quintas (manhã ou tarde)
A proposta é alongar e fortalecer a musculatura, alinhar as vértebras da coluna e reavaliar hábitos diários. Essas ações auxiliam na prevenção de lesões e proporcionam bem-estar devido à atenção dedicada às sensações internas e ao reencontro do próprio equilíbrio. O curso vai trabalhar os seguintes princípios: peso, liberação das articulações, variação de tônus muscular e atenção à respiração. Quando o praticante melhora a postura, relaxa as tensões e aprende a trabalhar os músculos pouco utilizados, ele ganha flexibilidade e amplitude muscular. Não há contraindicações.

BORDADO BÁSICO
Aulas: quartas e sextas (manhã)
O curso propõe o aprendizado dos pontos básicos, evoluindo gradativamente para os mais elaborados até o final do curso. Com o olhar voltado para as árvores e histórias literárias contadas em torno delas, a proposta é que os participantes bordem histórias a partir das árvores que estejam em suas memórias e que marcaram suas trajetórias.

BORDADO INTERMEDIÁRIO
Aulas: quartas e sextas (tarde)
Este curso terá como referência obras de um artista selecionado para o projeto. O bordado livre se realizará sobre o tecido aquarelado e sobre as aplicações que forem desejadas. Cada participante, será convidado a se incluir na cena retratada e, de acordo com as sensações sentidas ou lembranças trazidas, expressar suas percepções pelo bordado.

DANÇAS POPULARES BRASILEIRAS
Aulas: quartas e sextas (manhã ou tarde)
Este curso aborda as danças populares e tradicionais de determinadas regiões do Brasil, como Sudeste, Norte e Nordeste. Algumas delas são: Cacuriá, Maracatu Nação, Samba de Côco, Batuque de Umbigada, Tambor de Crioula, Cavalo Marinho, Boi e Ciranda. O trabalho com os vários tipos de dança varia de acordo com o andamento de cada turma. Além disso, o curso também vai tratar dos ritmos (toques), dos cantos e histórias dessas manifestações populares para tornar mais familiar aos alunos as práticas culturais existentes no Brasil.

INFORMÁTICA BÁSICA
Aulas: terças e quintas (manhã ou tarde)
Oficina para pessoas que não têm nenhuma experiência com o computador e gostariam de começar a aprender a usar e-mail, comunicar-se com segurança com família e amigos pelas redes sociais como o Facebook, usar os recursos do celular para tirar fotos e mandar mensagens, ver notícias, fazer pesquisas na internet para suas necessidades diárias (médicos e consultas, endereços, serviços) e saber usar os recursos da cidade (exposições, jogos, cursos) de forma gratuita.

INFORMÁTICA INTERMEDIÁRIA
Aulas: quartas (manhã ou tarde)
Esta oficina é voltada para aqueles que já sabem como funciona o computador, mas gostariam de aprender alguns recursos novos para ajudar no dia a dia, como os programas Word, Excel, Music Player, Power Point e editor de fotos. O aluno também aprende a usar aplicativos no celular, Facebook e Skype e melhorar suas pesquisas na internet ou até mesmo criar um site próprio.

INTERGERACIONAL
Aulas: segundas (tarde)
O projeto Intergeracional estimula a troca de experiências, saberes e conhecimentos entre as gerações de participantes, de forma prazerosa e afetuosa, valorizando suas identidades e expressões. .
A turma é formada 25 participantes, sendo 10 crianças de entidades sociais e 15 pessoas com mais de 55 anos. Os encontros acontecem durante dois meses.
O curso envolve o grupo com leituras de narrativas orais e de livros, atividades artesanais e brincadeiras, provocando reflexões sobre a convivência, tolerância e, principalmente, questionando as noções do que é ser idoso e criança.

OFICINA DE CELULAR
Aulas: sextas (manhã ou tarde)
A oficina se propõe a explorar as funcionalidades dos celulares/smartphones, com atenção à segurança e necessidades do usuário. Será apresentado desde as ações e funções mais básicas como configurações, fazer ligações, tirar e mandar fotos, até o uso de aplicativos personalizados, acesso a serviços e redes sociais.

PERCUSSÃO
Aulas: quartas e sextas (manhã ou tarde)
O aluno vai entrar em contato com a música regional por meio da prática em instrumentos de percussão como pandeiro, zabumba, alfaia, atabaque, ganzá, triângulo, agogô e caixa. Este curso aborda a cultura popular brasileira, com suas tradições, ritmos, cantos e manifestações, bem como a importância do resgate e da preservação dessa identidade.

VIOLÃO
Aulas: terças e quintas (manhã ou tarde)
Aprendizado em grupo de iniciação ao violão. Os alunos vão praticar digitação, escalas e melodias, além de acordes mais fáceis de tocar e arranjos para conjunto de violões e outros instrumentos de corda. Os participantes vão ter conhecimento básico do violão com canções mais simples de tocar e cantar. Também serão trabalhadas leitura de cifras e rítmica. Ritmos e estilos da música brasileira e da música clássica antiga, do tempo em que o violão e seus parentes se tornaram populares.

Compartilhe

Últimas Notícias

Fundo Social de São Paulo divulga resultado de Chamamento Público para gestão da Praça da Cidadania de Hortolândia

Edital prevê a contratação de OSC’ para administração das Escolas de Qualificação Profissional do FUSSP   Prédio das Escolas de Qualificação do Fussp na Praça da Cidadania de Hortolândia   O Fundo Social de São Paulo, divulgou nesta quarta-feira, 07 de fevereiro, o resultado final do Chamamento Público para escolha da OSC’ que vai administrar

Governo de SP atende dez cidades com mais de 6 mil itens em ajuda humanitária após chuvas de janeiro

Materiais de primeira necessidade foram enviados para auxiliar as famílias afetadas em municípios do interior, Baixada Santista e Litoral Norte   Defesa Civil faz entrega de doações a municípios atingidos pelas chuvas   O Governo de São Paulo, por meio da Defesa Civil e do Fundo Social, destinou para dez cidades paulistas 6.030 itens de

Fundo Social de São Paulo lança Chamamento Público para gestão das Praças da Cidadania de Mauá e Diadema

Edital prevê a contratação de organização da sociedade civil para administração das Escolas de Qualificação Profissional do FUSSP     O Fundo Social de São Paulo lança um novo chamamento público, desta vez, para selecionar as Organizações da Sociedade Civil que vão administrar as Escolas de Qualificação Profissional da Praça da Cidadania de Mauá e

SEDE DO FUNDO SOCIAL DE SÃO PAULO - PALÁCIO
DOS BANDEIRANTES

Av. Morumbi, 4.500 - Morumbi - São Paulo - SP - 05650-905

MAIS INFORMAÇÕES - Telefone: 11 2193-6979

DEPÓSITO DO FUNDO SOCIAL - JAGUARÉ

Av. Marechal Mario Guedes, 301 - Jaguaré

MAIS INFORMAÇÕES - Telefone: 11 3238-3944 ou 11 3238-3945