segunda-feira, 18/07/2016

Atletas do JORI carregam a tocha olímpica pelo interior do Estado

A vinda da tocha olímpica para o Brasil tem um significado especial para quatro atletas dos Jogos Regionais do Idoso (JORI), evento esportivo realizado desde 1996 pelo Fundo Social de Solidariedade do Estado, que reúne por ano mais de 13 mil atletas a partir de 60 anos. Eles foram selecionados pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) para conduzir a chama olímpica  pelo interior do Estado de São Paulo nos dias 16, 17, 18 e 19 de julho, nos municípios de Itapetininga, Bauru, Jaú e Sertãozinho, respectivamente.

Moradora de Campinas, Geralda Diogo, 93 anos, participará do trecho em que a chama passa por Itapetininga. Ela começou a praticar ginástica e vôlei com 68 anos e se dedica ao atletismo há 15 anos. Participa do JORI e coleciona várias medalhas, “uma mais bonita que a outra”, comenta.

Em Bauru, a tocha será conduzida por Silvio Janegitz, 82 anos. Ele iniciou tardiamente a prática de exercícios, com 68 anos, e mesmo com vários problemas de saúde, não pensa em parar de se dedicar ao esporte. “Por um período, fiquei impossibilitado de participar das atividades, mas não via a hora de voltar logo porque me sinto realizado”, afirma. Silvio é atleta do vôlei adaptado e sua equipe foi campeã da competição em 2014 e vice-campeã em 2015.

O atleta-condutor no município de Jaú será Antonio Lopes, 68 anos. Ele praticou basquete a vida toda em equipes de base na região de Campinas e chegou a se tornar atleta da equipe do exército. No JORI, compete no voleibol adaptado.

Moradora de Terra Roxa, Cordolinda de Siqueira, 63 anos, percorrerá parte do trecho no município de Sertãozinho. Depois de sofrer um AVC seguido de aneurisma, ela perdeu parte da fala, da visão e dos movimentos, restaurados com muitas sessões de fisioterapia e fonoaudiologia. Recuperada, foi convidada a participar do JORI na modalidade Coreografia. “Dançar é uma das coisas que mais gosto de fazer na vida”,comemora.

Compartilhe

Últimas Notícias

Fundo Social de São Paulo divulga resultado de Chamamento Público para gestão da Praça da Cidadania de Hortolândia

Edital prevê a contratação de OSC’ para administração das Escolas de Qualificação Profissional do FUSSP   Prédio das Escolas de Qualificação do Fussp na Praça da Cidadania de Hortolândia   O Fundo Social de São Paulo, divulgou nesta quarta-feira, 07 de fevereiro, o resultado final do Chamamento Público para escolha da OSC’ que vai administrar

Governo de SP atende dez cidades com mais de 6 mil itens em ajuda humanitária após chuvas de janeiro

Materiais de primeira necessidade foram enviados para auxiliar as famílias afetadas em municípios do interior, Baixada Santista e Litoral Norte   Defesa Civil faz entrega de doações a municípios atingidos pelas chuvas   O Governo de São Paulo, por meio da Defesa Civil e do Fundo Social, destinou para dez cidades paulistas 6.030 itens de

Fundo Social de São Paulo lança Chamamento Público para gestão das Praças da Cidadania de Mauá e Diadema

Edital prevê a contratação de organização da sociedade civil para administração das Escolas de Qualificação Profissional do FUSSP     O Fundo Social de São Paulo lança um novo chamamento público, desta vez, para selecionar as Organizações da Sociedade Civil que vão administrar as Escolas de Qualificação Profissional da Praça da Cidadania de Mauá e

SEDE DO FUNDO SOCIAL DE SÃO PAULO - PALÁCIO
DOS BANDEIRANTES

Av. Morumbi, 4.500 - Morumbi - São Paulo - SP - 05650-905

MAIS INFORMAÇÕES - Telefone: 11 2193-6979

DEPÓSITO DO FUNDO SOCIAL - JAGUARÉ

Av. Marechal Mario Guedes, 301 - Jaguaré

MAIS INFORMAÇÕES - Telefone: 11 3238-3944 ou 11 3238-3945